quinta-feira, 29 de março de 2012

Óleo de Coco

Uma pessoa,que não se identificou, perguntou esses dias sobre o óleo de coco. Queria saber o que estou achando dele.



Faz uns dez dias que parei de tomá-lo. Simplesmente ele encheu de manchas brancas e outras amareladas, o odor também achei que estava alterado. Não sei por qual motivo isso aconteceu, nem posso dizer com certeza se ele estragou. Mas na dúvida joguei fora. Minha irmã também havia comprado um vidro pra ela no mesmo dia que eu, o dela embolorou. Esquisito né? Interessante que eu guardava em local seco e longe do sol, fechava direitinho... Não cheguei a tomar nem a metade do pote, que só pra lembrar, custou R$ 40,00. Por isso, nem me animei em comprar outro, a não ser que eu encontre um vidro menor que o de 500ml.

Quando eu estava tomando notei que ele tira a fome. Eu tomava duas colheres meia hora antes do almoço e quando ia almoçar não tinha fome alguma, comia pouquíssimo. Outra coisa que acontecia era quando eu comia alguma comida gordurosa, seja qual fosse, alguns minutos depois me dava dor de barriga.

Por enquanto o óleo de coco ficará suspenso por aqui, junto com dieta.

quarta-feira, 28 de março de 2012

Esmalte da Semana

O esmalte que estou usando essa semana é tão escandaloso que um cliente já me perguntou "Quantas pilha vai?". 


Esmalte Mohda, cor Orange -056.

Foto de dia, sem flash. 

                                                            Foto de dia, com flash.


Foi necessário apenas duas camadas para cobrir completamente, secou super rápido. Como ficou um pouco fosco, passei um extra-brilho. E apesar de ser ultra, mega, super, power neon, não tem aquela textura horrível de corretivo. 

Tudo isso por apenas 1,85 dinheirinhos. Adoro!


quinta-feira, 22 de março de 2012

Esmalte da Semana

Na luz do sol.

Dourado, Impala.

Foto de dia, na sombra.

Esmaltinho mais velho que andar pra frente, inclusive está vencido. Passei duas mãos e não demorou pra secar. Pintei e fui dormir, mesmo assim acordei com ele perfeito.

É o que tem pra hoje.

segunda-feira, 19 de março de 2012

Dieta x Viagem

Semana passada participei de um congresso, em São Vicente-SP, de terça a sexta-feira. Me planejei direitinho levei meu óleo de coco, Diet Shake, barrinhas de cereal e roupas de ginástica. Até quinta-feira minha rotina "dietística" foi exatamente essa:

- 06:25h - Despertar.

- 07:00h - Caminhada de 1 hora no calçadão.

- 09:00h - Café da manhã no hotel. Comia uma unidade de cada coisinha que gostava.

- 13:00h - Almoço. Apenas salada. Nada de acompanhamentos, nem líquidos.

- 15:00h - 01 barrinha de cereal.

- 18:00h - Diet Shake.

- 21:00h - 01 barrinha de cereal.

A única exceção, a regra aí de cima, foi feita na quinta-feira, pois acabamos jantando num restaurante japonês. Comi só sashimis, um temaki, uns três niguiris e tomei um copo de suco de laranja. Na sexta-feira amanheceu chovendo e não caminhei, tomei café da manhã igual ao dos outros dias, no hotel, mas só almocei por volta das 16:30h. Nesse dia sim comi além da conta, peguei muitos carboidratos no almoço (ou seria janta?) e comi um pedaço de bolo prestígio de sobremesa.

Estávamos com stand de nossa empresa nesse congresso. Eu ficava das dez da manhã até às sete e meia da noite no stand, almoçava no restaurante montado dentro do evento (em frente ao meu stand). Todas essas horas a maioria do tempo em pé, num calor "felomenal", a base de saladinha de almoço, barrinhas de cereal e Diet Shake de janta. Logo conclui-se que emagreci, afinal só saí da linha em uma refeição, sem contar que caminhei quase todos os dias. Engana-se! Eu consegui a façanha de engordar 2,400kg! Pois é minha gente. Dá licença que o blog é meu e preciso dizer isso: VAI TOMAR NO CÚ BALANÇA!!!!!!!!!!!!!!! 

Nem quando eu passo uma semana no nordeste, de férias, a base de sorvetes e sem exercício físico eu engordo tudo isso. Agora me fala se é justo isso! Se eu soubesse não tinha caminhado, não tinha levado óleo de coco, não tinha comido só salada, não tinha feito nada desse sacrifício. Eu estava tão firme na dieta que nem comi os tira-gostos do stand, nem um latinha de refrigerante eu tomei, e olha que estava um calor de derreter a maquiagem, literalmente. Um prato de comida recheado de carboidratos e um pedaço de bolo prestígio fazem engordar tudo isso? Só comigo deve acontecer esse tipo de coisa. Ninguém merece!

Injuriada, mandei óleo de coco, barrinhas, Diet Shake e toda a dieta pra puta que pariu. Se é pra engordar que seja por merecimento!



sexta-feira, 16 de março de 2012

Esmalte da Semana

Essa semana dei uma folga ao meu lado manicure e pedicure, fui ao salão de beleza. Gente, que manicure mais lerda do mundo, parecia eu. rs... Entrei às 11:00h e só fui sair às 13:10h do salão. Isso porque eu nem uso esmalte no pé, só peço pra passarem a base e está feito. Imagine se eu pintasse? Teria ficado umas três horas por lá, no mínimo. Afe... O lado bom é que, apesar da falta de agilidade, a moça fez um serviço muito bom, minhas unhas ficaram perfeitas. Só me faltava ainda fazer mal feito...

Foto de noite, sem flash.

Foto de noite, com flash.

Cor Pink - 052, da Mohda.

Esse esmalte também faz parte da minha coleção e eu nunca tinha usado (pra variar, rs...). Comprei faz tempo numa perfumaria aqui da cidade, custou menos de dois reais. Apesar da cor ser neon, não tem efeito corretivo e foi preciso apenas duas camadas para que cobrisse toda a unha, secou super rápido, nem parecia esmalte nacional, e foi fácil de limpar. Não sei dizer quanto as outras cores, pois nunca tinha usado essa marca, mas quanto a esse vale a pena. 

É bom, bonito e barato.

quinta-feira, 15 de março de 2012

Comprando Roupas

Se tem uma coisa que eu mais detesto fazer estando gorda é comprar roupas. É uma chatice, nada serve, quando serve o caimento é feio, transpiro horrores dentro daquela cabine minúscula que chamam de provador, enfim... Só compro em último caso.

Como não gosto de olhares reprovadores de vendedoras vou direto aonde eu sei que vende o meu tamanho (46). E lá fui na Barred's. Está certo que as roupas deles não tem um caimento maravilhoso, mas pra você que está acima do peso como eu, é o que tem pra hoje. Eu até gosto de lá porque é tudo baratinho. Pensa, aonde que você compra um vestido social por R$ 49,99? Ñão vale os "Torra Torras" da vida, estou falando de loja de shopping. Tinha que comprar dois vestidos para um congresso. Comprei um azul clarinho e um preto. Eles eram lindos no cabide, já no meu corpo. Afe...

Saudade de entrar em qualquer loja e poder escolher qualquer coisa. Estou de saco cheio disso!






quarta-feira, 14 de março de 2012

Marido Sabotador - Churrascaria

Sábadão, saindo do escritório (trabalho meio período nesse dia) e marido diz que o lugar onde estamos  indo almoçar é surpresa. Como boa viciada em carnes que sou, de cara já sabia que era uma churrascaria. Logo nos primeiros minutos do caminho já sabia até qual era, uma maravilhosa numa cidade vizinha a nossa.

Não me planejei e pra ajudar já passava das 14:30h, estava com bastante fome. Me servi de saladas, arroz e batata-frita, tomei um copo de suco de melancia e comi todas as carnes que tive vontade. Como se não bastasse, de sobremesa comi pavê de morango, um pedaço fino de bolo prestígio e ainda parte do morango com leite condensado com chantili, do marido. Desastre total!

Pra ajudar, quase que imediatamente tive uma dor de barriga seguida de diarreia, a qual se estendeu até a noite. Fiquei com sensação de estufamento, e não comi mais nada nesse dia. Desconfio que seja efeito do óleo de coco, já que nunca passei mal por almoçar em churrascaria.

Só que não para por aí. No domingo tivemos que ir até São Vicente-SP (fica a três horas da minha cidade), para um velório (pai do amigo do marido faleceu) e de novo a alimentação foi um caos. Até levei barrinhas de cereal e bolachinhas integrais, em vão... Saímos de casa às 04:30h e logo de cara comi uma barrinha. Às 06:30h paramos no Frango Assado, comi misto-quente com suco de laranja. Depois só fomos comer às 12:40h. Adivinha onde? Bingo! Na primeira churrascaria que encontramos no meio do caminho. E com a cara mais deslavada do mundo eu assumo que comi igual ao dia anterior, com direito a sobremesa e tudo. Ai, alguém me mata?

Minha salada do almoço de domingo.

Comendo mousse de maracujá e mousse sensação. As olheiras são uma cortesia da casa.

Sobremesa do marido.

E pra fechar com chave de ouro: cinco mini Torrrones, que comprei na volta, num posto de gasolina.

No sábado eu até posso colocar um pouco de culpa no marido, no domingo a culpa foi minha, comi porque quis, podia ter escolhido outro tipo de restaurante, ou maneirado na quantidade, afinal tinha passado mal no dia anterior. Aliás, só não passei mal dessa última vez porque esqueci de tomar meu óleo de coco. 

Status de final de domingo: Arrependida!

terça-feira, 13 de março de 2012

Dieta x Aniversário

Não é porque estamos de dieta que o mundo pára. Seria até bom (ou pelo menos mais fácil) se parasse e esperasse nós emagrecermos. Sonhos a parte, a realidade é que toda hora temos que lidar com aniversários, casamentos, viagens, confraternizações em geral. E lá fui eu para mais uma missão como essa: aniversário da cunhada.

Como eu já disse aqui, o lance tem sido planejar tudo. Então, antes de sair de casa preparei um copo de Diet Shake pra poder me segurar legal na festinha. Em todos os aniversários da minha cunhada tem bolo de trufa (da mesma mulher que eu encomendo para as festas da minha casa) e bolo salgado, me programei comer um pedaço pequeno de cada e uma unidade de cada salgadinho que tivesse. Sabia que não teria docinhos, o que nem precisava dizer, foi um grande ponto ao meu favor. Comi: 01 fatia pequena de bolo salgado, 01 fatia pequena de bolo de trufa, 01 coxinha, 01 pizza enrolada, 02 copos de guaraná Diet. O refrigerante não estava na programação, acabei tomando porque o tempo estava muito seco e tive uma crise de tosse. Tinha kibe, não comi porque não sou chegada.

Gostoso não é, mas tira a fome.

Minha irmã e a sogra do meu irmão ficaram insistindo para que eu comesse mais bolo, recusei numa boa, realmente estava satisfeita. Não passei vontade, comi de tudo, literalmente, só que na menor quantidade possível. Ah, no dia seguinte meu peso oscilou 100g pra mais. O que eu considero como ter mantido o peso. 


segunda-feira, 12 de março de 2012

Dieta - Planejamento

Semana passada estava xeretando no Twitter quando li e tive que retwittar esse tweet da Tati Furtado:


Faz todo sentido isso! Essa semana levei minha comidinha todos os dias para o trabalho e foi tiro e queda, ponteiro da balança caiu. Tenho levado frutas, pães integrais, sucos, peito de perú, enfim, coisas lights para que eu possa comer durante os lanchinhos, que ocorrem às 10:00h e às 15:00h. Na hora do almoço como o que tem. No escritório tem refeitório e comida caseira todos os dias, não preciso ir em restaurantes ou em casa, até prefiro porque acho um porre sair pra comer correndo e ter que voltar logo. Mesmo assim eu planejo o meu almoço, não no sentido do que irei comer, e sim o quanto comerei. No caminho entre a minha mesa até a cozinha, vou mentalizando o seguinte: "Vou comer salada, uma concha de feijão, uma colher de arroz e um pedaço pequeno de mistura (carne), não vou tomar suco". E assim eu monto o meu prato, como e logo saio da mesa, e da cozinha. Esse negócio de ficar papeando perto de comida é meio perigoso pra mim. 

Antes quando não planejava, comia fora de hora, salgados, chocolates (tem uma loja da Brasil Cacau ao lado do escritório), misto quente, qualquer coisa que tivesse ao meu alcance. Tem dias que dá a hora do lanche e nem estou com fome, mas me obrigo a comer porque sei que se pular a colação posso ter um ataque de fome fora de hora, ou então chegar na hora do almoço e querer devorar as panelas. Teve épocas (leia-se meses seguidos) em que eu comia todos os dias dois pratos de comida na hora do almoço. Afe...

O mais difícil pra mim é programar as refeições do final de semana, em restaurantes. No japonês (post anterior) até que acho que me sai bem porque de uma forma geral as comidas desse tipo de lugar são saudáveis e servidas em pequenas porções, além do fato de eu não gostar de sobremesas japonesas. Dureza é planejar uma refeição normal na churrascaria. Contarei isso em outro post

Vamos começar a semana com o pé direito? Planeje-se e coloque em prática hoje mesmo! Bora pegar a marmita!

Beijo especial pra fofa Tati Furtado.

domingo, 11 de março de 2012

Marido Sabotador - Restaurante Japonês

Quando estou nas minhas fases mais loucas de comedora compulsiva o primeiro a me perturbar é meu marido. Ele fica em cima, faz marcação cerrada mesmo. Não me deixa comer um monte de coisas, faz cara feia se eu como um chocolate na frente dele, por exemplo. Até aí tudo bem. Acho que nenhum marido quer ver a mulher se entupindo de porcarias e engordando na velocidade da luz. Acontece que basta eu começar uma dieta que logo vem ele tentando sabotar. Gente, assim eu não consigo entender. Quer que eu engorde ou emagreça? 

Essa semana inventou restaurante japonês. Fui na boa, planejei antes de ir que comeria uma unidade de cada coisa, e assim fiz: sunomono de entrada, 01 temaki de cream cheese, 01 hot holl, 01 acelga maki. Só para o sashimi e o skin que abri exceção e comi 02 de cada, mas tudo bem porque nem são tão calóricos. Pra se ter uma noção, o hot holl tem 90 kcal por fatia, enquanto o sashimi tem apenas15 kcal a fatia. 

Acelga Maki - Comi um!

Hot Holl - Comi um!

Sashimi - Comi dois!

Skin - Comi dois!

Sunomono - Comi uma porção unitária igual essa.

Temaki - Comi um!

Difícil ficar sem beber alguma coisa junto com a comida japonesa, mas consegui, não tomei nem água. O shoyu tem muito sódio, o que consequentemente faz sentir muita sede. Quanto a sobremesa, nem foi sacrifício ficar sem, detesto aqueles empanados de banana e afins. 

Perto do que eu como normalmente não foi quase nada, mesmo assim fiquei satisfeita. Na verdade só de comer o sunomo e o temaki já foi suficiente. Chato foi ficar ouvindo marido repetir trocentas vezes para eu comer mais um pouco. Não gosto disso, eu adoro comer, por mais que estivesse satisfeita era claro que eu queria comer mais. Eu estava me controlando, nesse momento tudo o que não precisava era de gente insistindo para eu comer. Enfim, o que importa é que fui mais forte do que os fatores externos.

Essa do restaurante japonês foi apenas um exemplo de sabotagem tentativa de sabotagem por parte do meu marido. Tem infinitas situações, vou contando de vez em quando, é impossível escrever todas num post só.

Em breve cenas dos próximos capítulos. 


Imagens:

sexta-feira, 9 de março de 2012

Esmalte da Semana

Antes de qualquer coisa, tenho que dizer que detestei os esmaltes que escolhi pra essa semana. Queria passar um branquinho, como só tenho um dessa cor, teve que ser o Lolita, da Impala. Eu sei que esse esmalte é água pura, que mancha, que é pé no saco de passar, deveria ter passado outro, mas sou teimosa. Passei duas camadas, e como já previsto, ficou horrível. Então passei o Grace, da Colorama, que é um cintilante branquinho que me remete aos meus 10 anos de idade por cima, continuou feio. E como se não bastasse demorou pra caramba pra secar, acordei com "nail art" de travasseiro nas unhas. Total péssimo!

Foto de dia, na sombra.

Foto na luz do sol. Reparem que no dedo do meio tem uma sujeira preta de tecido (grudou no esmalte).

Descobri que esses esmaltes são fotogênicos. Pessoalmente ficou muito pior que na foto.

Enjuriei, tirei tudo e passei o Grace sozinho:

Esmalte de virgem ou de vó?

quinta-feira, 8 de março de 2012

Alimentação do Final de Semana

Já é quinta-feira e eu não comentei como foi a minha alimentação do final de semana, sem querer acabei esquecendo de postar sobre isso. No geral foi bem melhor que do final de semana anterior, o qual eu estava no Rio. Foram duas derrapadas, as duas na hora do almoço.

No sábado fomos almoçar fora, como fazemos quase sempre, e quando estávamos chegamos ao restaurante o filho número 1 (são muitos filhos, vou fazer igual ao Silvio Santos, chamá-los por número, rs...) do meu marido ligou se convidando para almoçar com a gente. Ah fala sério! Ainda por cima tivemos que esperar ele ir na casa dele buscar mulher e filho, isso porque já era umas 14:20h e eu estava com muita fome. Enquanto eles não chegávamos pedimos brusqueta e bolinhos de arroz de entrada, pra dar aquela tapeada. Erro fatal de quem está da dieta, o certo era eu ter fugido de entradas. Como se não bastasse, "o já que" ligou na hora e pedi para beber; um coquetel de morango sem álcool, de prato principal; arroz, filé mignon e batata-frita, e a sobremesa; uma taça de sorvete de doce de leite Hagen Dasz. O pior é que o bife estava sem tempero e a batata-frita ensopada de óleo. Uma pena, pois é era o meu restaurante preferido aqui na minha cidade, infelizmente a qualidade só vem caindo e o preço só sobe. Pagar caro pra comer mal? Estou fora!


Uma delícia! Pena que é puro açúcar!

Na metade da taça não estava mais aguentando, mas comi tudo mesmo assim. Vai gorda!

No domingo fomos almoçar num restaurante que não íamos há uns quatro anos. Restaurante esse que íamos muito na época em que namorávamos. Não fui uma lady, porém acredito que me controlei melhor do que no dia anterior. Primeiro fiz um prato só com saladas. Confesso, peguei um pouco de salada de maionese.  Dispensei bebidas, nem água tomei. Depois fiz um prato com churrasco (linguiça, contra-filé e um pedaço de carne de porco) e arroz. Não consegui comer toda a carne e deixei um pouquinho de arroz também. E olha que eu amo churrasco! Acredito que seja efeito do óleo de coco. Legal até aí, né? Só que ao invés de recusar a sobremesa, peguei um pouco doce de leite e brigadeirão (de colher), que por sinal estavam horríveis. Sabe aquele doce de leite que arde a garganta com apenas uma colher de café? É como diz a minha amiga Lu Russa: "Doce de leite de verdade, só o argentino". Além do argentino, eu particularmente adoro aqueles em que se faz cozinhando uma lata de leite condensado na panela de pressão. Humm... Deixa pra lá. rs... E o brigadeirão? Afe... Era uma massa com um chocolate de quinta categoria, nada a ver com brigadeiro. Bem feito! Que mandou eu comer? 

No mais as outras refeições (café da manhã, lanches, jantar) foram de lady. 

Digamos que me saí menos pior que de costume. Posso e vou melhorar!

terça-feira, 6 de março de 2012

Preguiça


Todo gordo é preguiçoso! Desculpa, se você se ofendeu é porque também é uma gorda preguiçosa. Assim como eu.

Gordo tem desculpa pra tudo. Não vai caminhar porque está frio, quando está calor também não vai, diz que vai começar na segunda, mas nunca começa. E tem aquele gordo que diz que nunca tem tempo, mas sai todo dia atrasado para o trabalho porque dormiu além da conta. Eu estou cansada dos meus colegas de trabalho dizerem que não tem tempo pra fazer exercício. O escritório abre às 09:00h e fecha às 18:00h. Aqui é interior, por mais longe que a pessoa more, não demora mais que 15 minutos pra chegar ao centro da cidade. A pessoa pode muito bem acordar mais cedo e fazer um exercício antes de trabalhar, já que sempre chega com cara amassada de sono. Ou então seja honesta consigo mesma e assuma que tem preguiça. Me irrita muito a frase clichê: "Não tenho tempo".

Como sou uma preguiçosa assumida, tenho que me policiar o tempo todo para que eu possa fazer as coisas conforme tem que ser. Por exemplo, no domingo levantei espontaneamente às sete da manhã e deveria ter ido caminhar, que é o que me comprometi em fazer desde que voltei a querer ser uma pessoa saudável. Só que eu entrei na internet, liguei a tv, brinquei com as cachorras e quando vi já eram quase meio-dia, ou seja, não daria mais pra caminhar. Eu posterguei de propósito, me dei a desculpa do "daqui a pouco eu vou" e do "hoje é domingo". No final da tarde eu poderia ter ido, se não tivesse enrolado de novo. Dessa vez tinham umas nuvenzinhas no céu e me dei a desculpa do "a vai chover daqui a pouco". E no final das contas não fui e não choveu porcaria nenhuma.

É verdade que na maioria das vezes eu consigo ir porque gosto de fazer exercícios. O problema é que muitas vezes a preguiça me pega um dia, depois outro e outro. Aí quando eu vejo já faz um tempão que deixei de fazer algo que me faz bem. E pra voltar ao velho hábito é muito mais difícil, sem dúvidas.

Segunda-feira eu já voltei para a minha caminhadinha. Estou consciente de que devo faltar somente quando tiver algum bom motivo. Com certeza dormir até mais tarde não é um.


Imagem: http://tinyurl.com/7leto5u

segunda-feira, 5 de março de 2012

Quero Voltar a Ser Assim




Meu marido achou essas fotos numa conta do orkut que eu perdi a senha em 2006. Pesava uns 57kg.

Saudade desse corpo.


domingo, 4 de março de 2012

Óleo de Coco - A Nova Sensação das Dietas


Há cerca de duas semanas um dos filhos do meu marido (não gosto da palavra enteado) comentou comigo sobre o óleo de coco, disse que dois conhecidos emagreceram bastante desde que passaram a fazer uso do alimento. Não acreditei muito e nem dei bola.

Nessa mesma semana ele (o filho do marido) também passou a tomar o óleo. Em pouco tempo já começou a emagrecer. As camisas dele estão largas, emagreceu mais na barriga, em relação ao resto do corpo. Ele  é vegetariano, habitualmente não come doces, não é gordo e pratica esportes desde sempre. Portanto não tinha porque mudar a alimentação, única coisa que fez foi acrescentar o óleo de coco. 

Empolgada com os resultados dele, passei a ler matérias sobre o assunto na internet e me convenci que vale a pena. Logo eu e minha irmã fomos correndo comprar um vidro pra cada. Vidrinho caro por sinal, R$ 42,00, 500ml. Mas ganhamos um super desconto, por pagar em dinheiro, e saiu por R$ 40,00. rs... Compramos numa casa de produtos naturais. Que eu saiba só vende nesse tipo de loja.

O filho do meu marido havia me alertado que talvez eu tivesse uma diarreia no primeiro dia, como aconteceu com ele. Ainda bem que não aconteceu isso comigo, nem com a minha irmã. O que ocorreu é que meu intestino que era preguiçoso passou a funcionar com mais frequência. 

Quando abro o pote sinto aquele cheirinho gostoso de bala de coco, dá até vontade de beber de copo. 

Aí tomo uma colherada e sinto aquele gosto de sabão. Argh! 

Tenho tomado uma colher em jejum e uma colher meia hora antes do almoço. Li várias matérias e cada uma fala uma coisa, uma fala pra tomar logo após as refeições, outras falam que podemos tomar como bem entendermos, enfim... Acho que não chegaram a um consenso quanto a isso. Outra coisa que li é que o indicado é de duas a quatro (apenas uma matéria fala que o máximo são três) colheres por dia, começando com o mínimo indicado e aumentando aos poucos. 

Potinho em que levo o óleo para onde quer que eu vá.



O bom dele é que não vaza de jeito nenhum. Comprei no Pão de Açúcar.

Não vai bancar a louca e tomar de copo, pois uma colher tem 110kcal. Pelo mesmo motivo não adianta tomar se não tiver seguindo uma dieta saudável. Não é milagre, é um auxiliar para quem faz dieta. 

Benefícios:
  • Estimula o metabolismo e faz emagrecer.
  • Diminui o acúmulo de gordura no corpo.
  • Reduz o colesterol ruim.
  • Reduz a gordura abdominal.
  • Diminui a fome.
  • Combate o envelhecimento.
  • Pode ser usado na pele (hidratante) e nas pontas dos cabelos após lavados (leave-in).
Formas de Usar:
  • In natura.
  • No preparo de bolos e pães, substituindo a manteiga.
  • No tempero de saladas.
  • Em vitaminas e iogurtes.
Famosas que usam (lista por ordem de importância, rs...):
  • Angelina Jolie.
  • Angélica.
  • Dani Bolina.
Importante: Esses benefícios só são encontrados no óleo de coco virgem ou extra virgem. O óleo de coco refinado vale a mesma coisa que o óleo de soja...

Esse post foi feito com base nas informações que li em diversos sites idôneos. Quem quiser saber mais, pode pesquisar no Google ou assistir hoje na Record, o Domingo Espetacular, que trará uma reportagem completa sobre o assunto.

sábado, 3 de março de 2012

Esmalte da Semana

Passe Nati - Valsa Cintilante

Foto sem flash.

Foto com flash.

Minha cor preferida é o turquesa. Então só pela cor, de cara já gostei desse esmalte. 

Ele é tão intenso, que em algumas unhas apenas com uma camada cobriu perfeitamente. Também ganhou pontos no quesito secagem. Eu pintei e fui dormir logo em seguida, mesmo assim acordei com a esmaltação perfeita.

Esse também faz parte da família de esmaltes que comprei na Beauty Fair. É bom excelente, bonito, barato e nacional. Posso dizer que a Passe Nati anda desbancando um monte de marca nacional e importada que tem por aí. Todos os esmaltes que já usei na marca são ótimos.

Pode colocar no carrinho de compras que vale a pena.

sexta-feira, 2 de março de 2012

Alimentação dos Últimos Dias

A gente planeja, começa a fazer tudo certinho, escreve aqui no blog, aí um belo dia faz tudo errado. Foi assim a alimentação do meu final de semana.

Começou a avacalhação logo numa parada na Dutra, durante a ida para o Rio de Janeiro, mais precisamente na Casa do Mamão. Adoro a comida desse lugar. Era muito cedo para almoçar e logo cresci os olhos nos pastéis, que estavam na estufa. Perguntei se fritava na hora e como a resposta foi positiva, pedi um de queijo. Comi com uma lata de suco Del Vale de uva. O pior é que o pastel nem estava tão bom, tinha um mísero recheio, podia muito bem ter ficado sem ele.

Já no Rio de Janeiro, almoçamos no Zozô (fica ao lado da bilheteria do Pão de Açúcar). Como é self service, a gorda aqui pegou mais do que precisava e ainda tomou Coca-Cola, zero, mas tomou. Tinha uns docinhos de sobremesa, não comi nenhum. Grande coisa! Dez minutos depois tomei um picolé na rua. Sim, quebrei o meu jejum de doce. Durou só 8 dias! Que fiasco...

Depois do almoço não comi mais nada, só fui comer lá na Sapucaí. Lá a opção é hamburguer do Bob's e hamburguer do Bob's. Ah sim, tem também o hamburguer do Bob's. rsrs... Comi essa porcariazinha e tomei uma lata de Coca-Cola normal. Durante a madrugada tomei dois picolés.

O café da manhã, no hotel, foi aquela coisa, pães variados, frios, suco e nenhuma frutinha. No almoço, já na volta para casa, paramos em Penedo-RJ e almoçamos num restaurante muito bom, uma picanha maravilhosa, com arroz e batata recheada com requeijão, acompanhados de dois copos de suco de laranja. Dispensei a sobremesa e logo depois fomos numa sorveteria...


Pra quem não sabe Penedo é uma cidade cheia de lojinhas de chocolate. Até queria comprar alguns, porém fui impedida pelo marido. Graças! 

Poucas horas depois cheguei em casa e não comi mais nada. Também nem com fome eu estava. Não era pra menos...

Depois desse final de semana catastrófico, no quesito alimentação, comecei a segunda-feira com o pé-direito e estou me alimentando como uma lady desde então.

Será que consigo passar ilesa por esse final de semana? 


quinta-feira, 1 de março de 2012

Desfile das Campeãs - Algumas Fotos

Grande Rio

Grande Rio

Quitéria Chagas

Portela




Olha eu aí!

Solange Couto desfilando pela Grande Rio.

Suzana Vieira desfilando pela Grande Rio.

Christiane Torloni desfilando pela Grande Rio.

David Brazil desfilando pela Grande Rio.

Lars Grael desfilando pela Grande Rio. O público vibrou demais com a passagem dele. 

Ana Furtado, madrinha de bateria da Grande Rio.

Mirella Santos desfilando pela Grande Rio.

Mestre-sala e porta-bandeira da Vila Isabel.

Adorei essa ala da Unidos da Tijuca. 

Bateria da Beija-Flor.

Ano de vem tem mais, se Deus quiser! Adoro!

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Biatriza, 

Deu pra perceber que eu adoro fotos, né? rs... Eu peso 82,800kg, infelizmente não sou marombada, sou gorda mesmo. =/
Beijo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...