segunda-feira, 16 de maio de 2011

Compulsão Alimentar

Cinquenta dias de dieta (leia-se sem compulsão alimentar)e eis que hoje tive uma vontade avassaladora de comer doces. Me peguei, no meio do expediente, visitando sites de receitas de doce. Oi? Sou doida?

Me senti irritada com aquela situação. Não era uma vontade simples de comer um chocolatinho, ou qualquer coisinha doce. Eu sabia que se cedesse ao primeiro pedaço, naquele instante, estaria apertando a tecla “start” da minha compulsão alimentar.

Fui até o refeitório e tomei meu iogurte light de ameixa, que havia trazido para o lanche da tarde, mas não tinha tomado porque comi uma torrada no lugar. Na hora deu um alivio, parou aquela ansiedade, aquela aflição.

Quando cheguei em casa, voltei a me sentir agoniada por comida. Fui na cozinha, pensei em comer um monte de coisas... Parecia que tinha o anjinho e o diabinho me puxando pra fazer o certo ou errado. Subi rápido e resolvi entrar aqui pra desabafar.

Pode parecer mentira, mas estou sim mais tranqüila. A sensação de perda de controle desse transtorno é terrível, só quem vive o problema sabe.

Compulsão alimentar mode ---> "stand by".

6 comentários:

Jacke Gense disse...

Ai Mi.. sem bem o que é isso... Vc é como eu.. se dou tregua para um pedacinho já era...
Fico muito feliz por vc ter conseguido se controlar!
Ah... mudando de assunto, vamos marcar uma corrida aqui em Sampa... Vc já está correndo mais de 5km, já pode pegar uma prova bacaninha... que tal??

bjs

Paty Roberta disse...

Eu sei bem o que é isso! Depois que parei com os medicamentos que o psiquiatra passou (11/2010), vira e mexe tenho uma recaída. É MUITO difícil ter controle, mas fico muito feliz que você esteja conseguindo...parabéns!

Beijos!

Dani Almeida disse...

Olá Milena,

Às vezes parar, pensar, deixar para depois é uma boa opção quando bate aquela vontade louca de comer coisas digamos assim "excessivas", hehehe!
Beijos

Gabriela disse...

Tb sei como é ... E mês passado mesmo operada, na época da tpm me deu isso também ! Fiquei apavorada ! Tem que respirar fundo e contornar, não tem jeito.

Beijão

Beth disse...

Graças a Deus você está atenta e forte. Antes de ceder aos apelos da compulsão que começou a encostar, foi buscar alternativas, foi desviar a atenção, se virou nos trinta. E venceu. Ela está em espera? Mas você está atenta, você está naquela de 'não vem que não tem'. Estou aqui torcendo, você vai conseguir. Beijo.

Priscila disse...

Tem que ser muito forte para resistir ao doce. Fico muito feliz que tenha superado essa... Subiu no meu conceito!! hahahahhaa

bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...